A Confenar, convenção nacional das revendas e distribuidores da Ambev, no Rio de Janeiro, foi palco para o lançamento de um novo caminhão Ford, o Cargo 1719.

Trata-se de um vocacional voltado ao segmento de distribuição de bebidas e  adaptado para uma implementação simplificada, segundo a fabricante.

Preparado

Com PBT (Peso Bruto Total) de 16 toneladas, motor Cummins de 189 cv e transmissão de seis velocidades, o Cargo 1719 recebe de fábrica um conjunto de acessórios como para implementação com carrocerias rebaixadas compartimentadas, para oito ou dez pallets; para-choque estreito, feixe de molas curto, chicote ABS e dois cardãs adicionais, além de capa do chassi na área de corte para o rebaixamento, seguindo o que Mercedes-Benz e Volkswagen já fazem faz tempo.

As adaptações dos caminhões para a distribuição urbana ainda são bastante precárias. Na Europa, as cabines também são mais baixas para facilitar o entre e sai dos trabalhadores. Neste caso do Ford Cargo, a cabine é muito alta para o uso urbano, o que gera um esforço grande dos funcionários da transportadora, o que também reduz a eficiência.

Vender caminhão para os distribuidores da AmBev ser um grande desafio para a Ford. Isso porque a Mercedes-Benz e a MAN, dona da marca Volkswagen Caminhões, são mantenedores da Fabet, entidade que treina a maioria dos motoristas da rede AmBev/Confenar e com resultados muito positivos. Segundo a Salete Argenton, após a Fabet treinar mais de 9 mil motoristas da distribuição Ambev, o resultado foi o ano de 2016 com zero acidente com vítima fatal, fato inédito.