Disputa acirrada entre o novo VW Delivery 9.170 e o Mercedes-Benz Accelo 1016 pela liderança de mercado do segmento de caminhões leves. No acumulado do ano, o Accelo lidera com 1.197 unidades vendidas de janeiro a agosto, seguido do Delivery com 1.114 unidades. Porém, nos últimos meses, o modelo da VW tem vendido mais do que o modelo da Mercedes-Benz:

Mês VW Delivery 9.170 MB Accelo 1016
Agosto 191 unidades 184 unidades
Julho 194 166
Junho 204 132
Maio 213 155
Abril 119 134
Março  95 158
Fevereiro  58 139
Janeiro  40 129
Acumulado jan-ago 1.114 1.197

Portanto, para o VW Delivery 9.170 fechar o ano na liderança do segmento, ele precisa vender até dezembro uma média 21 unidades por mês a mais do que o concorrente da estrela. 

E-commerce pode gerar R$ 60 bilhões em frete até 2020

As transportadoras de entregas urbanas que não estiverem trabalhando com as empresas de comércio on-line vão perder a maior oportunidade de crescimento. Segundo estimativas da Ipsos, o setor vai movimentar R$ 373 bilhões em (vendas via desktop e smartphone). Segundo a ABComm (associação do setor), cerca de 16% do faturamento vai para custear o frete. Portanto, quase R$ 60 bilhões em transportes. Mesmo que os números estejam inflados e que parte seja de serviços (ingressos, cursos), as lojas virtuais vão precisar muito dos transportadores para poder atingir os objetivos delas. Portanto, é bom ir preparando a frota e a melhor gestão para as entregas porta a porta. Segundo a mesma pesquisa, feita em parceria com a empresa de pagamentos eletrônicos PayPal, os produtos mais adquiridos serão calçados e acessórios, equipamentos eletrônicos, eletrodomésticos e produtos comésticos e de beleza. 

Nome Volkswagen Caminhões e Ônibus volta a ser destaque

Aos poucos o nome MAN Latin America vem desaparecendo da comunicação e o nome Volkswagen Caminhões e Ônibus (VWCO) ganhando mais espaço destaque.

Na prática, é uma mudança de marketing. A empresa continuará sendo a MAN Latin America que possui as marcas MAN (da linha TGX), Volkswagen (caminhões) e Volksbus (ônibus). O nome Volkswagen Caminhões e Ônibus (sigla VWCO), que já foi o nome da empresa no passado, agora é o nome fantasia da MAN Latin America.

A VWCO nasceu como empresa brasileira, do Grupo Volkswagen. Ganhou independência e em novembro de 2008 foi adquirida pelo grupo alemão MAN AG. Em 2009, a empresa VWCO virou marca da nova companhia MAN Latin America. Este ano, aos poucos, o nome MAN Latin America vem desaparecendo dos comunicados da fabricante. O site que era www.man-la.com, agora direciona automaticamente para www.vwco.com.br. A Sala de Imprensa MAN Latin America no Facebook teve seu nome alterado para Volkswagen Caminhões e Ônibus. 

O foco no nome VWCO faz sentido, já que a marca é muito forte na América Latina e faz parte da estratégia do Grupo Traton mantê-la fortalecida para mercados emergentes. 

Vendas de elétricos da BYD crescem 119% no Brasil

A BYD cresceu 119% no emplacamento de veículos elétricos na comparação dos oito primeiros meses deste ano com o mesmo período do ano passado, informa a Abeifa (Associação Brasileira Das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veiculos Automotores). O grande percentual deve-se em razão do baixo número de 2017, quando foram emplacados, de janeiro a agosto, 21 veículos elétricos entre caminhões, ônibus, furgões e automóveis comercializados exclusivamente para frotistas. Neste mesmo período de 2018, foram 46 unidades. Para uma indústria que está apenas começando, já indica um cenário positivo para o futuro. Todos esses BYD ainda são registrados no Renavam como importados, apesar empresa contar com uma fábrica em Campinas (SP).

A chinesa BYD é a maior fabricante de veículos elétricos do mundo e a maior fabricante de baterias recarregáveis. Com 220 mil funcionários distribuídos em 40 fábricas, a empresa está presente em 50 países, inclusive no Brasil, desde 2015. Entre os sócios, está o americano Warren Buffet. 

Bongo é o segundo modelo mais vendido da Kia

Perdendo em vendas apenas para o SUV Sportage, o chassi cabine Bongo K2500 é o segundo modelo da Kia mais vendido no Brasil. Em agosto foram emplacadas 260 unidades, enquanto o Sportage teve 556 licenciadas. O Kia Bongo é produzido em Montevidéu, no Uruguai.

 

E-commerce vai gerar R$ 6 bilhões em frete neste semestre

Neste segundo semestre, as transportadoras que trabalham para as lojas virtuais e Os Correios vão dividir o bolo de um faturamento de R$ 6 bilhões por causa do e-commerce. Este valor é baseado na previsão da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) para este segundo semestre de R$ 37,9 bilhões de faturamento. Segundo a entidade, 16% deste total ficam com as transportadoras e Os Correios para pagamento de frete. E, por causa da ineficiência da empresa pública de correios, cada vez mais, está sendo trocada por transportadoras. 

A Black Friday – maior promoção do e-commerce mundial – está se aproximando (23 de novembro) já é considerada uma das mais importantes no varejo, superando o Dia dos Pais, Dia das Mães, Dia das Crianças e, inclusive, o Natal.

Além dos médios, a empresa vai disponibilizar o câmbio automatizado para os modelos de aplicação severa Cargo 2631, Cargo 3131 e Cargo 3133.

Tudo ocorre por causa da empolgação devido à ótima aceitação da tecnologia pelos clientes da marca que já estão rodando com o Cargo 2431 Torqshift. Em 2017, a montadora projetou a produção de 30% dos seus caminhões semipesados com o câmbio inteligente, porém, os pedidos foram de 37%. Nos seis primeiros meses deste ano, 56% das compras de semipesados já foram dos modelos Torqshift. “É um caminho sem volta, diz Guilherme Teles, gerente de marketing da Ford. 

Veja vídeo da Braspress sobre superação de crise:

Leia mais:

Conheça as novidades do Salão de Hannover 2018

Novo cavalo mecânico da Ford na Europa

Ford lança Cargo 3031

 

Compartilhar
Editor da revista e site Transporte Mundial desde fevereiro de 2002. Além de caminhões, é apaixonado por motocicletas e economia! Foi coordenador de comunicação na TV Globo, assessor de imprensa na então Fiat Automóveis, hoje FCA, e editor-adjunto do Caderno de Veículos do Jornal Hoje Em Dia, de Belo Horizonte (MG).