A primeira semana do Rally Dakar 2018, que ocorre na América do Sul, tem a russa Kamaz (com o piloto Eduard Nikolaev) na liderança até o momento e já teve o time Iveco duas vezes no pódio.

Depois de conquistar o segundo lugar na etapa 2, o argentino Federico Villagra, da YPF Infinia Diesel Team De Rooy, utilizou a força do conjunto Powestar/motor Cursor 13, da FPT Industrial, para vencer a terceira etapa da competição, realizada nas cidades de Pisco e San Juan de Marcona.

“Hoje tivemos um ritmo muito bom, especialmente depois de um contratempo em uma passagem muito lenta pela duna. A partir daí, foram 150 quilômetros a 100% de potência”, afirma Villagra, que na classificação geral está em segundo lugar.

Para a quarta etapa, que acontece hoje, a organização programou o segundo ciclo, com início e fim na cidade de San Juan de Marcona.

Serão 330 quilômetros cronometrados, em um especial que promete continuar a testar pilotos e veículos nas estradas mais difíceis do mundo. 

Etapa 3 – Rally Dakar 2018    

  1. FEDERICO VILLAGRA (IVECO) 3h56m37s
    2. Eduard Nikolaev (Kamaz) + 35s        
    3. Airat Mardeev (Kamaz) + 4m09s      
    4. Martin Macik (Liaz) + 13m18s           
    5. Aliaksei Vishneuski (Maz) + 24m27s           
    ———-
    11. ARTUR ARDAVICHUS (IVECO) + 52m06s           
    16. TON VAN GENUGTEN (IVECO) + 1h22m34s

    Classificação Geral – Rally Dakar 2018   

  2. Eduard Nikolaev (Kamaz) 7h47m19s
    2. FEDERICO VILLAGRA (IVECO) + 8m58s  
    3. Aliaksei Vishneuski (Maz) + 52m34s           
    4. Siarhei Viazovich (Maz) + 53m32s    
    5. Martin Macik (Liaz) 
Compartilhar
Editor da revista e site Transporte Mundial desde fevereiro de 2002. Além de caminhões, é apaixonado por motocicletas e economia! Foi coordenador de comunicação na TV Globo, assessor de imprensa na então Fiat Automóveis, hoje FCA, e editor-adjunto do Caderno de Veículos do Jornal Hoje Em Dia, de Belo Horizonte (MG).