Volare, BYD e universidade apresentam elétrico

256

Autor das imagens: Divulgação

A Volare anunciou que vai apresentar no início de 2017 um miniônibus elétrico. O projeto do Volare elétrico conta com a parceria da BYD. “Com o novo Volare elétrico vamos oferecer um produto único em todo o mundo em sua categoria, 100% elétrico, de piso baixo, de dimensões reduzidas e totalmente acessível, ideal para utilização nos centros urbanos”, destaca Roberto Poloni, diretor de engenharia da Volare.

O veículo está sendo projetado para oferecer maior espaço interno, com a configuração das baterias e do trem de força em posição que proporcionem o máximo de eficiência, redução de custos operacionais e de pesos (um dos grandes desafios dos veículos elétricos). Ele terá 9 095 mm de comprimento, 2 985 mm de altura e 2 360 mm de largura, com piso baixo, motores nas rodas traseiras e capacidade para cerca de 45 passageiros.

A motorização BYD, será de 90 kW de potência e 45,9 mkgf de torque máximo, com as baterias no teto e na traseira. “Outro diferencial é que a recarga total poderá ser feita em três horas”, diz Poloni. Para tornar mais eficiente a utilização da energia, o novo veículo contará com sistema de regeneração da energia da frenagem. “Estamos preparando a nossa fábrica para a produção em série desse novo veículo”, disse Paulo Corso, diretor de operações comerciais e marketing da Marcopolo.