Preço do diesel registra baixa em todo o País, aponta estudo

124

Quando compara este ano com 2022, a redução do preço do diesel chega a mais de 11% para os dois tipos. Ou seja, diesel comum como o S10. O levantamento é da Edenred Ticket Log. Ou seja, baseado em análise do Índice de Preços Edenred Ticket Log (IPTL), que consolida o comportamento de preços das transações nos postos de combustível.

LEIA TAMBÉM: Mineradora começa a operar com semirreboque elétrico da Randon

Seja como for, a análise apontou que o preço médio do litro do diesel segue tendência de redução em todo o País. Assim, o preço do tipo comum foi comercializado a R$ 6,02 no fechamento de dezembro, com redução de 0,99% ante a primeira quinzena do mesmo mês. Já o diesel S-10 foi encontrado a R$ 6,18, após ficar 0,96% mais barato para os motoristas. No comparativo com novembro, o preço dos dois tipos reduziu 3%. 

“Quando comparamos com 2022, o preço do diesel comum baixou 12%. E o do S-10 reduziu 11%. O cenário deve ser de mais baixas no valor do diesel comercializado nas bombas de abastecimento no início do próximo ano, Como resultado da redução anunciada pela Petrobras no preço do litro repassado às refinarias, válida a partir de 27 de dezembro”, diz Douglas Pina, diretor-geral de mobilidade da Edenred Brasil.

Diesel mais barato em todo o País

O diesel ficou mais barato em todas as regiões. Com destaque para o Sudeste, onde o comum fechou o período a R$ 5,93, com redução de 2,47%, ante a primeira quinzena. E para o Centro-Oeste, o tipo S-10 foi comercializado a R$ 6,23, ficando 2,35% mais barato.

No entanto, as médias mais baixas foram registradas na Região Sul, a R$ 5,78 o comum e R$ 5,86 o S-10. Já as mais altas na Região Norte, a R$ 6,59 o comum e R$ 6,53 o S-10. 

A queda mais expressiva no preço do diesel comum, de 7,57%, em relação ao início de dezembro, foi identificada nas bombas de abastecimento do Sergipe. Lá, o litro fechou a R$ 6,49. O aumento mais significativo, de 2,87%, foi registrado no Amazonas, que fechou a média de R$ 6,35.

Já Pernambuco comercializou o S-10 com a maior redução, de 2,73%, onde o preço fechou a R$ 5,95. Em Roraima, os motoristas encontraram o litro do S-10 1,26% mais caro, maior aumento do País, com média de R$ 7,23. 

O Amapá liderou o ranking do maior preço médio para o diesel comum e para o S-10. Sendo comercializado em média a R$ 7,14 e R$ 7,27, respectivamente. 

Estados da Região Sul se destacaram com as menores médias de todo o território nacional para os dois tipos. No Paraná o tipo comum fechou a R$ 5,73, e, no Rio Grande do Sul o S-10 foi comercializado a R$ 5,83.

O IPTL é um índice de preços de combustíveis levantado com base nos abastecimentos realizados nos 21 mil postos credenciados da Edenred Ticket Log.