Segundo a MAN Latin America, o Worker 15.210 4×4 da linha de produtos Volkswagen foi homologado no final do ano passado e já contabiliza mais de 50 unidades comercializadas para aplicações civis nos mais diferentes segmentos.

Segundo Ricardo Alouche, vice-presidente de vendas, marketing e pós-vendas da MAN Latin America, a estratégia é apresentar novas opções aos clientes, principalmente em um nicho não explorado pela empresa antes.

“Por toda sua configuração, esse modelo já consagrado no setor militar se comprova adequado também para aplicações civis fora de estrada como o eletricitário, a de mineração, de construção e usinas, entre outras”, exemplifica o executivo.

Aprovado em testes elaborados pelo Exército brasileiro, um dos principais compradores do veículo, o 15.210 com PBT de 15 t está apto para rodar em quase qualquer tipo de terreno graças à sua tração 4×4.

O Worker 15.210 4×4 é equipado com motor MWM 6.10 TCA, de 6 cilindros, que desenvolve potência de 206 cv a 2.600 rpm e torque de 67 mkgf a 1.700 rpm. O propulsor opera em conjunto com a caixa de mudança Eaton FS 6206A. Trata-se de um motor Euro 2 que recebeu licença especial para ser vendido a atividades civis. Ai, uma das razões de ele ter o preço competitivo, segundo a fabricante.

Por essa razão também, quem apostou no modelo foi a JFI, empresa especializada na prestação de serviços no setor de silvicultura. A empresa adquiriu quatro unidades distribuídas em operações em São Paulo, Mato Grosso e Rio Grande do Sul.
Segundo José Carlos de Almeida, proprietário da JFI, que está há três meses operando com o caminhão, um dos ganhos foi na produtividade.

“O caminhão é muito versátil e bom para enfrentar nossas condições pesadas de operação. Quando renovarmos mais veículos em nossa frota, certamente optaremos novamente por esse Worker 15.210 4×4, dado o potencial de ganho operacional que temos com o modelo”, salienta o empresário.

O Worker 4×4 tem despertado o interesse de outros prestadores de serviço do ramo por sua alta produtividade. Com a adoção do Worker 15.210, o cliente pôde substituir ao mesmo tempo, um caminhão cisterna e um trator com tanque. Isso porque o novo veículo roda em qualquer terreno. Vai ao açude para coletar água e entra também na área de plantio na floresta, superando os muitos resíduos de madeira no trajeto para irrigar plantações de eucalipto.

Modificações

Trata-se de um caminhão mais alto, com tração especial e um eixo diferencial a mais. “E todo o conjunto nos representa um valor de investimento cerca de 50% inferior do que os equipamentos que eram requeridos antes para a mesma atividade”, completa Almeida.

Tecnicamente, o caminhão dispõe de atributos que atendem às operações mais pesadas as quais ele é indicado. Possui bloqueio de diferencial Meritor RS23-145 e, graças a classificação do motor Euro 2, ele pode trafegar por qualquer local off-road, pois sua manutenção é mais simples e barata. O eixo dianteiro da Marmon Herrington é o MT 11SA. Os amortecedores são hidráulicos, o dianteiro de ação progressiva e o traseiro telescópico de dupla ação.

Compartilhar
Andrea Ramos
Jornalista especializada em veículos comerciais, apaixonada por caminhões e punk rock, e mãe do B e do Ben.