Kamaz mostra força no Dakar; MAN lidera

43

Após perder a liderança geral do Rally Dakar 2016 para a Iveco, a MAN retomou a ponta na sétima etapa do campeonato, disputado no sábado (09). A prova tevê início em Uyuni — a maior planície do mundo, com 10.582 quilômetros quadrados —, com destino a Salta, ambas em território boliviano, e após 353 quilômetros, o holandês, Versluis, da MAN, assumiu a primeira colocação no geral ao conquistar a terceira posição na etapa, com 3h55m48s. 

A sétima etapa marcou também a aproximação dos pilotos da Kamaz, que até então, ocupavam apenas a quinta colocação da classificação geral. O russo, Nikolaev, da Kamaz, foi o vencedor da etapa, cravando 3h54m31s de prova. A segunda colocação ficou para seu compatriota, Mardeev, que também compete com caminhões da fabricante russa, com +58s.

No domingo (10), os competidores ganharam um dia de descanso. Hoje (11), na oitava etapa do Dakar, os pilotos voltam ao território argentino. Os competidores vão partir da cidade de Salta, na Bolívia, com destino à Belén, na Argentina. O trajeto é composto por 393 quilômetros, e marca a metade do rali. Nesta etapa, os pilotos terão de demonstrar toda a sua habilidade para vencer as dunas que compõem o trajeto.

Veja a classificação geral:

Versluis MAN 17h05m09s
Gerard de Rooy Iveco +5m31s
Mardeev Kamaz +10m48s
Nikolaev Kamaz +10m54s
Stacey MAN +11m28s