Mesmo com as últimas estimativas de redução do PIB (Produto Interno Bruto) para 1,5%, pesquisa feita NTC&Logística (Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística, mostra que há melhora nas expectativas para frete rodoviário. Cerca de 1.500 empresas de transporte foram ouvidas. Se em janeiro, apenas 19,1% acreditavam na melhora do frete, agora em agosto, este número é de 36,6%. O índice de pessimistas caiu de 39,5% para 28,2%. 

Geralmente a demanda de frete cresce no segundo semestre de cada ano devido ao agronegócio os preparativos para as festas de final de ano.

ABComm (Associação Brasileira do Comércio Eletrônico) confirma esta tendência já com  crescimento de 8% nas vendas do e-commerce por causa do Dia dos Pais deste ano, com quase 7 milhões de pedidos entre a segunda quinzena de julho e o dia 4 de agosto e um movimento previsto de R$ 2,2 bilhões. Geralmente o frete fica com 16% dos valores gastos em e-commerce. A expectativa continua com crescimento em outras datas similares, como Dia das Crianças, Black Friday e Natal. 

Outras notícias do setor

>>> Banco Bradesco reduziu a expectativa do PIB para 1,1%. As razões para o Bradesco ter feito a redução estão com base de demora da confiança dos empresários para investirem após a greve dos caminhoneiros e a expectativa com a relação ao que acontecerá com a tabela de frete. O fato também pode funcionar com forma de fazer pressão contra a tabela de frete.

>>> O presidente da Scania na América Latina, Christopher Podgorski, será um dos palestrantes do Congresso SAE Brasil 2018. O evento tem “A Engenharia do Futuro – Novos Horizontes para a Mobilidade” como tema este ano e ocorrerá entre os dias 3 e 5 de setembro no São Paulo Expo.

Christopher Podgorski, presidente da Scania Latin America. Foto: Scania/Gustav Lindh

>>>  A pesquisa realizada pelo DECOPE/NTC no mês de julho último aponta para uma defasagem média do frete de 17,22%, sendo de 9,61% nas operações com cargas fracionadas e de 19,33% nas com cargas lotações.       

Compartilhar
Editor da revista e site Transporte Mundial desde fevereiro de 2002. Além de caminhões, é apaixonado por motocicletas e economia! Foi coordenador de comunicação na TV Globo, assessor de imprensa na então Fiat Automóveis, hoje FCA, e editor-adjunto do Caderno de Veículos do Jornal Hoje Em Dia, de Belo Horizonte (MG).